Movimento “Por uma nova OAB” reúne lideranças maçônicas em Cuiabá

Movimento “Por uma nova OAB” reúne lideranças maçônicas em Cuiabá

14 de Outubro, 2021 Não Por Assessoria

Lideranças maçônicas como o advogado Otacílio Perón e Julio Moreira Junior ressaltaram a liderança de Pedro Paulo

Mais de 100 pessoas se reuniram na noite desta quarta-feira (13.10) no espaço de eventos da Razão e Justiça, em Cuiabá, para ouvir os pré-candidatos à presidência e vice da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Mato Grosso (OAB-MT) Pedro Paulo Peixoto e Gabriela Novis Neves, respectivamente.

O pré-candidato Pedro Paulo se mostrou emocionado por estar em um ambiente maçônico que é “um lugar sagrado onde aprendemos a multiplicar a valorização da importância que tem a família”.

“Devo a esta instituição o meu primeiro despertar para a liderança e não poderia ser em outro lugar o início desta caminhada. É a primeira vez em 26 anos que a oposição se reúne em torno de um projeto e, por isso, afirmo que a OAB Mato Grosso não é um nome ou outro, mas todos nós, advogados e advogadas. A OAB tem que servir à sociedade”.

Lideranças maçônicas como o advogado Otacílio Perón e Julio Moreira Junior ressaltaram a liderança de Pedro Paulo, sua trajetória de vida, os valores e princípios que carrega, além da transparência de suas ações e a competência para assumir o cargo de presidente da OAB-MT.

“Estamos dando um pontapé inicial para a participação de um pré-candidato que se apresenta como a renovação. Temos o coração aberto para ouvir as propostas e a certeza de que esse sem dúvida, é o melhor caminho”, afirmou Perón.

“Pedro Paulo sempre possuiu o dom da liderança, isso é nato nele. Ele tem luz própria. Não tenho dúvidas de que é merecedor de nossa confiança e reúne todos os pré-requisitos para representar a todos os colegas advogados em Mato Grosso”, ressaltou Julio Moreira Junior.

Já o advogado Marcelo Macedo frisou que a OAB-MT precisa voltar ao rumo certo. “A OAB-MT deixou de ser nossa e de atender aos anseios da categoria e da sociedade. Vejo no Pedro Paulo uma oportunidade de trazer (para a OAB) princípios maçônicos como lealdade e transparência, além da busca incessante da Justiça.”

Já Flávia Moretti, presidente da OAB 5ª Subseção Várzea Grande, acredita que renovação não é somente ser um nome novo e sim significa lutar a cada dia por melhorias para a categoria, é fazer diferente. “Pedro Paulo tem competência para gerenciar a OAB-MT. Do jeito que está, estamos perdendo credibilidade junto à sociedade. A nossa instituição já foi respeitada, mas pelos rumos dados pela atual administração, nos levou ao descrédito. Há muitos advogados deixando a profissão e a entidade precisa se fortalecer”, afirmou. 

A pré-candidata a vice-presidente, Gabriela Novis, ressaltou que a eleição da OAB-MT é um pleito único, pois é uma oportunidade de se dialogar com toda a sociedade. “Todos, algum dia, precisamos de um advogado. É um profissional que faz a diferença na sociedade e deve defender a Constituição, os direitos humanos, do Estado de Direito e da justiça social. Por isso, nossa defesa é de que a entidade volte seus olhos para a democracia e para a Justiça e que não seja usada para atendimento de interesse dele ou dela”.